quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Quem conduz a dança?

Por Fernanda Santiago Valente 

Ela está sentada, quieta, na dela, só a esperar um daqueles moços do salão convidá-la a dançar. Enquanto ela ainda não fixa seus olhos num daqueles que estão à procura de alguém para dançar, ela observa os passos daqueles que já estão dançando.
Algumas moças conduzem os rapazes, que confusos e atrapalhados, não olham nos olhos. Eles cismam em olhar para os pés. A dança não acontece e ficam intrigados porque não conseguem aprender os passos. Perna esquerda ou direita à frente? E na mera distração pisam nos pés das moças... mas estes, não podem desistir, eles querem aprender a dançar, e enfim, conduzir a dança.
A primeira regra para dançar é se concentrar. É preciso decorar na mente dois pra lá dois pra cá, um pra frente, um pra trás e gira. Depois de decorar os passos é preciso muita firmeza e segurança. Com isso, escolher a dama e definitivamente conduzi-la.
A moça ainda está lá sentada, só observando os casais e esperando um daqueles moços sem par. Ela sabe dançar, mas não quer ensinar ninguém. Ela quer aquele moço cheio de sorriso e segurança, que puxa sua mão, olha nos seus olhos e conduz a dança. Ela quer a melhor dança. Aquela que ele conduza e ela se destaque. Ela só quer um homem que saiba dançar, que a leve com o olhar. Será que é tão difícil assim?

4 comentários:

Zeh e Fran Souza disse...

Um homem que dance já é difícil, com segurança então, não que não existam, mas são raros, bem raros.

http://naosecompara.blogspot.com/

Lulú disse...

Olá Fernanda, você tem o tipo de dançarina.
Quando jovem, foi minha diversão preferida. Difícil mesmo era este dançarino citado em seu blog.
E hoje, como será?
Acho que só tem os que aprendem em escolas, e não é a mesma coisa.
Beijos
Maria Luiza (Lulú)

Anônimo disse...

Olá Fernanda, boa noite!

Bailarino com refino

Acreditar é o primeiro passo para encontrar.Continue a observar. Escolha bem o seu par sem se apressar. Olhe nos olhos! O brilho
do olhar que faz o seu par falar...Declarar...Com passos certos e seguros a bailar pelo salão lhe conduzirá até mesmo após o baile terminar.

Abraços fraternos, do amigo.

Luiz Augusto da Silva - poeta
Olímpia - São Paulo

Priscila Rodrigues disse...

Adoro dançar juntinho.. rs. Assisti o filme, é muito bom.

Ótimo texto, Fê, entendo bem o que é isso.. ;)

Já te dei Feliz Ano Novo? Não? Então.. Feliz Ano Novo, Amiga linda. Que esse ano seja "O ANO" para nós.

Mil Beijos.