quinta-feira, 12 de agosto de 2010

BRASIL-HAITI ― 101 histórias. Uma esperança.

Versão brasileira do livro vai ajudar vítimas das tragédias no Haiti, Rio de Janeiro, Pernambuco e Alagoas
No começo de 2010, quando o terremoto no Haiti tirou a vida de milhares de pessoas e deixou um número ainda maior de desabrigados, o inglês Greg McQueen fez um apelo na internet: queria reunir 100 histórias, não necessariamente sobre as tragédias, e publicá-las em um livro. A receita líquida seria destinada a organizações envolvidas na ajuda humanitária do país. A partir daí, nasceu o livro 100 Stories for Haiti (100 histórias para o Haiti).
E foi pensando em ajudar não só o Haiti, mas também as vítimas dos desastres naturais que assolaram o Rio de Janeiro, Pernambuco e Alagoas, que a Garimpo Editorial resolveu lançar por aqui uma nova versão, intitulada Brasil-Haiti ―101 histórias. Uma esperança. Na versão brasileira, cerca de 30 histórias foram escritas por autores nacionais, substituindo parte dos contos originais. E foi adicionada uma história extra, em quadrinhos.
Diferente da versão americana, Brasil-Haiti contém também um prefácio-depoimento do executivo do mercado financeiro Carlos Nomoto, que viajou ao Haiti para ajudar a cidade de Porto Príncipe. Entre os diversos autores que colaboraram com o livro, estão Moacyr Scliar, Antonio Carlos Secchin, Mauro Ventura, Galeno Amorim, Angela Dutra de Menezes entre outros nomes. Os contos escritos variam de depoimentos a histórias bem humoradas.
A receita líquida deste livro ― que também contou com o trabalho voluntário de tradutores, preparadores, revisores e produtores ― será encaminhada aos projetos de auxílio nos dois países por intermédio da Visão Mundial, uma das maiores e mais respeitadas organizações de promoção de justiça e assistência do mundo. E vale ressaltar que o objetivo não é só uma ajuda emergencial, mas duradoura, para auxiliar na reconstrução do Haiti e das cidades brasileiras.

Trechos do livro

“Voltei para o meu assentamento envergonhado. Perco a paciência por causa de uma vaga de automóvel no shopping. Quase blasfemo contra Deus quando perco um bom negócio. Fico ansioso para saber quanto será o meu bônus anual. Morro de raiva daquele cara que tentou me ‘passar a perna’ no trabalho. A vida moderna cria a ilusão de que estamos nos tornando seres melhores e maiores. Então, por que estamos dando mais atenção a coisas tão pequenas?”

“Estou dormindo. Sonho que entro em um quarto vazio e há uma porta fechada à minha frente, com uma chave na fechadura. Freud criou teorias sobre causalidade: o que me trouxe aqui? Jung preferia a finalidade: o que será que existe do outro lado da porta? Freud não teria usado a chave e declarado, cheio de orgulho, que se tratava de um símbolo fálico. Jung teria destrancado a porta para descobrir o mistério que ela ocultava. Em seguida, Freud e Jung aparecem no quarto e começam a discutir entre si com veemência. Com qual dos dois devo concordar? O que devo fazer? Não sou nenhum filósofo – no mundo real, trabalho doze horas por dia. Minha solução ao enigma? Eu me encolho no chão de meu quarto imaginário e durmo. (conto 34 – A solução do leigo ao acaso versus o enigma final, ou como dois homens perderam o sono e outro dormiu.

Os autores e o organizador

O inglês Greg McQueen, que vive na Dinamarca, onde escreve histórias para o público adolescente, selecionou 100 entre mais de 400 histórias que recebeu de outros escritores (profissionais ou amadores) para compor 100 Stories for Haiti. Na versão brasileira, cerca de 30 histórias originais foram substituídas por textos produzidos por autores brasileiros, alguns deles bastante conhecidos, como o premiado Moacyr Scliar, o acadêmico Antonio Carlos Secchin, o jornalista Mauro Ventura, além de Galeno Amorim, Angela Dutra de Menezes e muitos outros. O livro Brasil-Haiti ― 101 histórias. Uma esperança conta ainda com o prefácio-depoimento de Carlos Nomoto, empresário brasileiro que viu in loco os efeitos do terremoto no Haiti ao viajar como voluntário para montar barracas de abrigo em Porto Príncipe.

Ficha Técnica

BRASIL-HAITI
Título original: Adaptado do livro 100 Stories for Haiti
Autor: Greg McQueen (organizador da obra original) e outros
Tradução: Diversos voluntários
Número de páginas: 256
Formato: 16x23cm
Acabamento: Brochura com orelhas
Categoria: Contos, crônicas
Lançamento: agosto de 2010
ISBN: 978-85-62877-18-6
Preço sugerido: R$ 25,00

Obs: A obra que será lançada na 21ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. O evento acontecerá nesta sexta-feira, dia 13 de agosto, das 18 às 18h45 na Sala de Coletivas de Imprensa.
Todo o lucro líquido recebido com a venda deste livro será revertido para ações humanitárias no Brasil e no Haiti.

Fonte: Lilian Cardoso

4 comentários:

"Só enquanto eu respirar, vou lembrar vc.." disse...

Minha Rara, vc SUMIUUUUUUUUUU estou com saudades de vc!!!Passa lá no meu blogger, fiz uns textos lindos e vc não conheceu a Clara, minha personagem nova!!!!
Espero q esteja tudo bem, e vc sempre arrasando nos textos hein!!!!Beijos enormes

"Só enquanto eu respirar, vou lembrar vc.." disse...

Minha Rara, vc SUMIUUUUUUUUUU estou com saudades de vc!!!Passa lá no meu blogger, fiz uns textos lindos e vc não conheceu a Clara, minha personagem nova!!!!
Espero q esteja tudo bem, e vc sempre arrasando nos textos hein!!!!Beijos enormes

Nikyta Junqueira disse...

Oi flor,
Amei seu blog!!!
Apesar de eu ter um blog de beleza, acho mesmo que beleza vem de dentro... Quero dizer não adiante você se lindinha e vazia...
Já estou te seguindo
Beijinhos
Passa lá no Viver Maraa!!!
se gostar me segue também*-*
http://vivermaraa.blogspot.com/

Anônimo disse...

You are not right. Let's discuss it. Write to me in PM, we will talk.