sábado, 5 de junho de 2010

Hoje é dia do Meio Ambiente (amanhã também)

Por Fernanda Santiago Valente

Cuidar do meio ambiente é um dever nosso
Que cada um possa fazer a sua parte...
Ame a vida!
Ame o planeta!
Ame as pessoas!
Ame as pessoas que ainda não nasceram e também aquelas que estão crescendo
Pois muitas, se a gente não acordar, ficarão sem ver a beleza desse mundo:
A variedade de pássaros;
A transparência das águas;
O azul do mar;
Os bichos...
Vamos cuidar da vida?
Vamos cuidar do planeta?
Ao invés de passear no shopping (que no caso, odeio), que tal dar uma voltinha num jardim, num horto florestal, fazer uma trilha? Pense nisso! Cuide disso! O ar que respiramos no meio do verde limpa a alma. Eu amo isso.

Deixo alguns vídeos para a nossa reflexão:

Notícias e reflexão




Planeta Água, de Guilherme Arantes




Planeta Sonho - 14 Bis




Obs: Eu tenho certeza que ninguém quer viver como aqueles comerciais da Fiat Adventure...

O beija flor



A plantinha



O sol


4 comentários:

Priscila Rodrigues disse...

Oi minha Flor..


Saudades de suas lições de vida, seus poemas e ler Deus em cada letra.

hoje acordei melhor..

Eu não sei nem jogar papel de bala nas ruas, sempre achei cuidadar do meio ambiente muito importante. Parabéns pelo post.

Beijos..

Cláudio Nunes Horácio disse...

Seu blog é uma bênção incrível. Parabéns por este espaço de graça. Deus te abençoe.

Alessandra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Por falar em plantinha...Por falar em beija flor...Veja este simples poema, inspirado pelo amor, do qual sou eu o autor:

Uma rosa muito linda
Num jardim a enfeitar
Romântico beija-flor
Surge a lhe cortejar:

Do nectar suga a doçura
Da rosa prosa...dengosa.
O pássaro fica encantado
Que cena maravilhosa.

A rosa conquistada
Com a nobre cortesia
Espera com alegria
Que ele volte um dia.

Inicia-se um romance
Romance sem interesse
Que todo namoro fosse
Fosse assim como esse.

Um novo dia surgiu
Depois que ele partiu
Retornou apaixonado
E com a rosa se uniu.

"O amor é lindo!".

Abraços.

Luiz Augusto da Silva - poeta
Olímpia - São Paulo - Brasil