quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Por que existem tantas organizações que não funcionam?

Seriamente, não entendo. Eu e meu esposo achamos um cachorro perdido na rua. Então pensamos: Vamos levar o cachorro, dar comida e levar para uma dessas organizações de proteção aos animais. Correto. Foi o que tentamos fazer...
O cachorro está em nossa casa desde o Natal, pois as organizações não estavam funcionando durante o fim de ano. Estão, o negócio foi esperar janeiro chegar...
Neste tempo, uma vizinha se ofereceu a ficar com o cachorro, pois encontraria alguém para adotá-lo, mas pediu que eu ficasse com ele até passar as festas. Pegou o número do meu telefone e disse que ligaria para buscar o cachorro...
As festas já se passaram... e o cachorro aqui na minha casa.
A vizinha decidiu desaparecer, pois não veio buscar o cachorro. Fui em uma organização levar o bichinho. Não aceitaram. Falaram que no momento não estão recebendo animais. Aí me deram o número de telefone de uma moça chamada Márcia para eu me cadastrar e levar o cachorro para uma feirinha de doação. Então, liguei. A Márcia foi muito simpática, mas não pude inscrever o cachorro para a feirinha. Pediu que eu voltasse na mesma organização que eu tinha ido para castrar o cachorro.
Ainda ficou explicando várias coisas: disse que 60% das pessoas não castram o macho porque tem preconceito... e falou, falou, falou, mas não ficou com o cachorro.
Meu esposo ligou para vários lugares de proteção aos animais. Ninguém para ficar com o cachorro.
Então, essas organizações servem pra quê? Só existe a placa? E se nós deixássemos o cachorro na rua? Teria que ficar lá mesmo?
Ahhhhhhhh. Tentei ajudar o cachorrinho, mas sobrou pra gente. Alguém quer um cachorro?

18 comentários:

Talita disse...

É realmente uma dificuldade grande, porque eles querem pessoas que adotem os animais e não os que levam para serem cuidados.

é muito bonito e funciona bem só na televisão quando divulgam na pratica é diferentissimo

Rubens Rodrigues disse...

Nossa, eu não sabia que esse processo era tããão difícil.
Olha, eu peguei um gato uma vez da rua, já passou da 3ª geração dele. uahsahsuhasuh
ótimo post^^

Dinah Cardozo disse...

Revoltante. Se não é pra funcionar, então que não exista! É muito bonito saber que esse tipo de organização existe, mas triste saber que não funcionam como deveriam.

De que cidade vc é? Eu pego o cachorro se possível =]

joão thiago disse...

eu sou o esposo da fernanda. Pois é... muito difícil saber que as ongs que se dizem preocupadas com os animais não se preocupam tanto assim. até aquela do adesivo "eu freio para animais" (bom saber que alguém respeita seu semelhante) disse a mesma coisa que todas as outras: "Se vira!"
agora, estas ONGs recebem subsídio do governo para quê? Para promover aniversário de cachorrinho e manter um site tosco? Pobres bichinhos... até no meio dos animais tem animais querendo mais.

E aí? alguém vai querer um cachorro? ele é muito bonzinho... mas eu já tenho um.

JT.

Pablo disse...

Na hora que os bichos estão na rua, aparece a Luiza Mell chorando falando que o mundo é cruel, mas na hora de buscar quem tem o dever de cuidar, ninguém quer !!

Não querem assumir a responsabilidade , isso sim !

http://sombradaamendoeira.blogspot.com/

Tati Claro disse...

aconteceu algo parecido comigo, so que foi com um mico que estava com o dedinho da mao quebrada, levei no IBAMA diversas vezes e ele disseram que eu teria que esperar um veterinario deles voltar de ferias para poder registrar um monte de coisas e tal... passaram- se 3 meses e o miquinho comigo cuidei dele minha famlia e eu nos apegamos, quando chega um carro la em casa dizendo que recebeu uma denuncia que eu estava com um animal silvestre em cativeiro. foi uma baixaria ate eles aceitarem o fato de que a culpa foi deles.

Tiago disse...

Não sabia que tinha toda essa burocracia. Fiquei ainda mais pasmo com o comentário da Tati. Pow, como assim? Você tenta ajudar, te denunciam e vc quase paga o pato por um problema do próprio IBAMA?? É palhaçada mesmo.

Ideais e alucinações disse...

Essas organizações são uma porcaria mesmo! E eu tenho dó de deixar o cachorro numa dessas, mas não tenho um e nem quero pois eu sei que não teria condições de cuidar dela do jeito que deveria. É como ter um filho, sem planejamento fica assim, essa porcaria que está!

Laura Gelbecke disse...

vcs são um casal maravilhoso e generoso. meu amor pelos animais é giganorme e são poucas as pessoas, como nós, que fazem tudo para ajudar. parabéns p nós!

AYLA disse...

retribuindo a visita
eu também acho lamentável essas organozações fajutas
tem uma apresentadora de tv se não me engano da rede tv que tinha uma ong só pra recolher bichinhos
mas se o cachorro é amigo e bonitinho por que vc não fica com ele sabe-se lá por que ele entrou na sua vida não?

AYLA disse...

põe uma foto do bichinho aí
se eu estivesse no Brasil quem sabe!

Lucas disse...

ONG e td igual...
Mas fica c o cachorro entao. xD

Palhacada Hein disse...

eu tambem nao sabia que era tao dificil o processo.

eu acho um absurdo alguem pagar 200 reais em um cachorro. se pode adotar um de graça;

eu tenho 4 aqui no meu quintal, nao são de raça, mas amo todos mesmo assim. =P


blog muito bom

Dinah Cardozo disse...

Pois é, então vou ter que ficar sem o cãozinho =/

Olha, teu blog ganhou um selo lá no meu blog (insoniapartilhada). Olha lá depois.

Oitentando disse...

Oi passe no meu blog,
tem dois selos à sua espera!
Indicação minha para os melhores blogs!
Abraços!
http://oitentando.blogspot.com/

Alcione Torres disse...

Puxa, vida, é de ter raiva mesmo! Tanta gente querendo ajudar e não dão subsídio para isso.
Tomara que vocês consigam alguém que adote e cuide bem dele.
Abs.


http://sarapateldecoruja.blogspot.com/

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Eu sabia que a burocracia no Brasil era um dos motivos do entrave no crescimento de nosso país.
Mas daí existe até burocrácia para cadastrar um cachorro para ser adotado ou somente tratado, ao invés de ficar nas ruas.
Eu não tenho cachorro, pois trabalho e não tenho como cuidar dele, devido a falta de espaço também.
Eu sempre tive cachorro e, tem cada cachorrinhos bonitinhos, que dá pena pelo fato de estarem soltos na rua.

Balinha disse...

Que lindo. Os animais precisam de pessoas que falem por eles, pois eles não falam por si próprios.

Bala Salgada
http://bsalgada.blogspot.com